Como se tornar responsável pela minha felicidade?

Falar sobre felicidade é um tanto complicado. Embora existam circunstâncias que causem contentamento na maioria, como ser promovido ou receber um presente, não há uma fórmula única para todas as pessoas.

Cada uma possui uma definição específica para este estado emocional, assim como objetivos de vida e pequenos prazeres que o estimula. Morar em uma casa confortável, comprar um carro de luxo, viajar o mundo, chegar ao topo da carreira e viver um grande romance são alguns dos múltiplos sonhos que prometem levar à felicidade.

Continue lendo
Como identificar um mentiroso patológico

Todo mundo já contou uma mentirinha. As famosas “mentiras brancas” dizem respeito as inverdades que contamos visando aliviar o sofrimento alheio, evitar a preocupação de alguém querido ou inventar uma desculpa para ficar em casa em vez de sair com os amigos.

É claro que o ideal é sempre ser honesto, mas às vezes as pessoas recorrem às mentiras brancas para não terem conversas difíceis. Essas mentiras são ditas sem intenção ruim, embora possam magoar o outro.

Continue lendo
Autorrealização: por que é tão difícil alcançá-la?

Parece que as melhores coisas da vida demoram tanto para acontecer, não é? Você passa anos sonhando com um romance de tirar o fôlego, com o emprego perfeito e uma dezena de pequenas realizações em outras áreas da vida. Mas por que às vezes parece que os seus ideais nunca se tornarão realidade?

É possível fazer alguma coisa para mudar essa situação? Neste post, você compreenderá tudo sobre a autorrealização e os desafios encontrados pelo caminho.

Continue lendo
Autoaceitação: como se aceitar e viver em paz consigo mesmo

O que significa autoaceitação? Esse termo pode ser confundido com amor-próprio e autoestima devido às suas semelhanças.

Apesar de estar conectado a ambos, aceitar a si mesmo é abraçar tudo o que você é. Pensamentos, emoções, falas, ações, traços de personalidades, qualidades e defeitos… Quem se aceita por completo, está em paz com esses elementos.

Consequentemente, possui autoestima elevada e amor por si mesmo. A autoconfiança e a autoimagem também estão diretamente ligadas ao nível de autoaceitação.

Continue lendo
Vida equilibrada: 10 hábitos saudáveis para cultivar

Uma vida equilibrada vai além do cultivo dos hábitos saudáveis que já estamos cansados de saber, como ter uma boa alimentação e praticar exercícios físicos.

É preciso escolher levar um estilo de vida mais leve e sadio para a saúde mental, mesmo que isso signifique modificar drasticamente costumes e atitudes.

A importância de uma vida equilibrada

Ter uma vida equilibrada na atualidade é um desafio. O estresse, as notícias negativas, o estado da economia, os rumores da vizinhança, a criminalidade, entre muitos outros, são fatores que buscam tirar o nosso sossego.

Continue lendo
Como evitar conflitos nas festas de fim de ano

As festas de fim de ano são esperadas por toda a família ao longo dos meses mais ativos. São momentos de confraternização e de descanso, voltados para risadas e compartilhamento de novidades com parentes distantes. Mas a alegria conjunta também pode dar espaço para ocasionais discussões.

Em tempos de polarização, as brigas em família estão mais recorrentes. Opiniões contrárias causam atrito, mesmo quando partilhadas somente por curiosidade. Para que todo mundo tenha um Natal e Ano-novo relaxante e divertido, é preciso esquecer os temas polêmicos e as “implicâncias”.

Continue lendo
Ano novo, vida nova: como fazer resoluções que se concretizam

O Ano-novo é um momento de transformação. É comum ocorrerem reflexões sobre as experiências vividas no ano que passou e a definição de resoluções para o próximo.

As metas da virada do ano acompanham o clima de “metamorfose” das festividades, onde deixamos para trás o velho “eu” e abrimos espaço para o novo “eu”.

Continue lendo
Como enfrentar pressões sociais e ser você mesmo

Você já deixou de fazer algo por causa de outras pessoas? Ou por que o que você quer não está de acordo com as expectativas alheias? As pressões sociais podem fazê-lo mudar as suas escolhas e objetivos de vida para se encaixar em padrões pré-estabelecidos por terceiros.

As pessoas são ensinadas a viver de acordo com a cultura predominante na sociedade e no ambiente familiar. Alguns ensinamentos podem entrar em conflito com as crenças, opiniões e aspirações construídas conforme as experiências de vida de cada indivíduo. Assim, originam-se conflitos internos e sofrimentos variados, os quais podem interferir em suas escolhas. 

Continue lendo

O Outubro Rosa é um movimento dedicado à conscientização das pessoas, especialmente das mulheres, sobre a importância dos exames de rotina para o diagnóstico do câncer de mama. Além disso, o autoexame e a saúde mental das pacientes são debatidos com maior enfoque durante todo o mês de outubro.

Embora seja importante abordar todos os impactos físicos do câncer de mama, também deve-se dedicar atenção à saúde mental das mulheres que recém receberam o diagnóstico e as que convivem com a doença há mais tempo. Ambas as situações são difíceis e podem ser emocionalmente exaustivas.

Continue lendo
estagnacao-como-combater-a-sensacao-de-vida-estagnada

A estagnação acontece quando sentimos estar parados no tempo, incapazes de evoluir, sem compreender exatamente o porquê. Ela pode afetar diversas áreas da vida, como a vida financeira, amorosa e emocional. Por mais que se tente se livrar dessa sensação desagradável, ela parece nos perseguir.

Além disso, só notamos a sua presença quando fazer as coisas mais simples se transforma em um verdadeiro sacrifício. A tensão psicológica e física se tornam constantes difíceis de combater. Quando nos sentimos estagnados, também nos sentimos vazios e desanimados, sem vontade de vencer o cansaço.

Como acabar com a barreira invisível que parece tê-lo aprisionado em uma redoma? Como se apoderar novamente das suas ações, sentimentos e ações? No post de hoje, vamos entender tudo sobre a estagnação!

Continue lendo
estagnado-na-vida-entao-siga-esses-passos

Todos nós já passamos ou passaremos, em algum momento, por uma sensação de necessidade de mudança, seja essa mudança interna ou externa. No artigo a seguir, falarei um pouco mais sobre o que pode ser essa necessidade e como é possível vivenciá-la efetivamente. Acompanhe.

Você já sentiu que precisava mudar alguma coisa em sua vida, porque da maneira que as coisas estavam caminhando não estava bom?

Você já sentiu como se a vida estivesse parada, como se você estivesse apenas “empurrando as coisas com a barriga”?

Em algum momento você percebeu que precisava mudar o seu estilo, seu cabelo, ou mesmo a escolha da faculdade e a profissão?

Segundo o que afiram os psicólogos, se você nunca sentiu nenhuma dessas sensações, pode ser que em algum momento elas aconteçam. Mas não se assuste. Tudo isso reflete apenas uma fragilidade que está sendo vivenciada ou um vazio emocional que precisa ser preenchido de maneira saudável.

Continue lendo
sera-que-voce-vive-no-passado

“Por que será que não consigo parar de pensar no meu passado?”. No artigo a seguir falaremos sobre alguns dos comportamentos mais comuns de pessoas que não conseguem se desapegar do passado. Acompanhe.

Quando alguém comenta que não consegue parar de pensar no passado, pode ser para um, algo nostálgico, mas para outro, algo perturbador. Será que você vive no passado? Por que você acha que não consegue superar isso?

Segundo o que apontam os psicólogos, um dos motivos mais comuns para uma pessoa se sentir conectada ao passado é por alguma cicatriz emocional que ainda está aberta, ou por uma sensação – muitas vezes ilusória – de algo que pode não ter sido concluído da maneira que ela acha que deveria.

Continue lendo
10-sintomas-da-depressao-para-se-atentar

Os sintomas da depressão nem sempre são fáceis de identificar. Uma das características da depressão é ser silenciosa. Ela começa como uma mistura constante de tristeza, inquietação e desânimo, tirando as pequenas alegrias do dia a dia. O depressivo desenvolve hábitos nada saudáveis, os quais são percebidos pelas pessoas a sua volta, mas não por ele.

Uma mudança significativa também é notada na fala. Os assuntos são variações de reclamações, comentários desesperançosos e opiniões repletas de pessimismo. É como se a pessoa estivesse em um transe, sem conseguir enxergar a seriedade dos seus comportamentos e palavras.

Continue lendo
Depressão pós parto e psicologia

O parto é um momento muito intenso para qualquer mulher. É nesta hora que ela dá à luz a uma nova vida com quem vai compartilhar muitos momentos até o fim dos seus dias. É no parto que começa o que para muitas mulheres é um grande sonho e uma aventura: a maternidade.

No entanto, no meio desse turbilhão de emoções, combinada com uma variação hormonal intensa, nem sempre a sensação de tornar-se mãe é recebida de forma natural e fácil.

Não raro poucos dias após o nascimento do bebê, a mãe se depara com sintomas de tristeza e desânimo, que caso se instalem permanente e gradativamente, podem se transformar em um quadro de depressão pós-parto. Mas o que você sabe sobre essa condição?

Continue lendo
como-metodo-time-blocking-ajuda-a-gerenciar-seu-dia

Tornar o dia mais produtivo e eliminar a procrastinação pode ser uma tarefa difícil para muitos. Conheça agora o método “Time Blocking” e veja como pode ajudá-lo

Quer você trabalhe no escritório ou home office, certamente precisa de um método eficaz para gerenciar o dia. Afinal, o perfeccionismo, a procrastinação e o mito do multitarefa são perigos muito reais que podem manter até as pessoas mais produtivas empacadas em suas tarefas.

Então, como você consegue criar uma agenda de tarefas que reduza distrações e o torne produtivo? Com o método Time Blocking.

Continue lendo
Como alterar seus comportamentos codependentes

Comportamentos codependentes não são fáceis de mudar. Mas é necessário que isso seja feito. Assim você pode melhorar seu bem-estar e saúde mental, afirmam os psicólogos.

Qualquer padrão de comportamento de longa data pode ser difícil de mudar. Somos criaturas de hábitos e tendemos a repetir os mesmos comportamentos, muitas vezes, e sem sequer pensar neles.

E, às vezes, continuamos, mesmo quando esses comportamentos criam problemas para nós. Este é o caso de comportamentos codependentes.

Continue lendo
como-iniciar-uma-conversa-da-maneira-certa

Iniciar uma conversa é um grande desafio para pessoas tímidas e com ansiedade social. Mas algumas dicas podem ajudar você nisso!

Algumas pessoas parecem ter um talento especial para conversar, enquanto outras têm mais dificuldades. Saber como iniciar uma conversa é uma habilidade social útil, afirmam os psicólogos.

Se você deseja impressionar um cliente em potencial, impressionar alguém em quem você tenha interesse amoroso ou apenas trocar ideias com um novo conhecido, saber como iniciar uma conversa pode ajudar você a se sentir mais confortável e confiante em uma ampla variedade de situações sociais.

Continue lendo
Medo de multidões: tudo o que você precisa saber sobre a enoclofobia

O medo de multidões impede muitas pessoas de viverem plenamente. Com a pandemia do coronavírus pode ser um pouco diferente. Entenda mais sobre essa fobia e veja dicas de como amenizar os sintomas.

Enoclofobia refere-se ao medo de multidões. Mas, nem todo mundo que se sente desconfortável no meio da multidão vive com enoclofobia. Em vez disso, essa fobia envolve pensamentos e comportamentos irracionais excessivos em relação ao perigo real em uma situação.

Em outras palavras, se você tem enoclofobia, é incapaz de explicar seu medo e se sente incapaz de controlá-lo. Você pode até estar no ponto de evitar completamente multidões ou lugares onde você teme que possa haver multidões.

E, se você se encontra preso em uma situação de multidão, provavelmente experimenta sintomas físicos, cognitivos e comportamentais extremos nos quais se sente impotente em administrar.

Continue lendo
sera-que-as-noticias-estao-afetando-a-minha-saude-mental

Você sabia que a quantidade de informação que consumimos pode afetar a nossa psique? Leia o artigo e entenda melhor como isso funciona.

A mídia que consumimos diariamente tem um impacto em nosso pensamento, comportamento e emoções. Se você seguiu um padrão de assistir ou ouvir regularmente as notícias, a maior parte do que você está consumindo provavelmente está relacionada à crise do novo coronavírus (COVID-19).

E, apesar de manter-se atualizado sobre as notícias locais e nacionais, especialmente no que se refere a orientações e atualizações de saúde, ser fundamental durante esse período, o consumo excessivo de notícias pode afetar sua saúde física, emocional e mental, alertam os psicólogos.

Continue lendo