Quando os problemas pessoais afetam outros setores de nossas vidas

Categoria dos serviços do psicólogo: psicoterapia
Quando os problemas pessoais afetam outros setores de nossas vidas, consultório do psicólogo em São Paulo

Não raro, passamos por situações difíceis em que o que mais gostaríamos de fazer seria nos resguardar por um período ilimitado, para colocar as ideias em ordem e a cabeça no lugar. Somos seres humanos e algumas vezes não acordamos num bom dia, não queremos cruzar com ninguém ou falar.

Mas, é possível fazer isso? É possível simplesmente fugir, e deixar que o mundo aconteça ao nosso redor, e nos isolarmos para resolver os nossos problemas? Existe uma frase do famoso pensador William Shakespeare, em que ele diz que “não importa em quantos pedaços o seu coração foi partido, o mundo não para esperando que você o conserte”.

Fugir nem sempre é a melhor solução. Em consultório, muitos pacientes nos procuram no auge dos momentos em que não sabem mais o que fazer, quando percebem que uma situação pessoal, às vezes nem sempre um problema tão grande, afetou outros setores de sua vida, como: trabalho, relações interpessoais e ciclos de amizade.

Como os problemas pessoais afetam outros setores de nossas vidas?

Se você estiver procurando psicólogo em São Paulo para realizar psicoterapia, então conheça os psicólogos que prestam serviços de psicologia no nosso consultório, veja o valor das sessões e agende sua consulta aqui mesmo pelo site.

Problemas pessoais podem afetar outros setores de inúmeras maneiras, como, por exemplo, você descontar um stress numa pessoa que sequer sabe o que está acontecendo, uma fala mais rude, um olhar mais severo, críticas mais pesadas, coisas que o próprio indivíduo que está dentro da situação não percebe no momento, mas depois reflete e nota que fez algo que poderia ter sido evitado.

Este tipo de comportamento pode ter influência em outros setores, assim como prejudicar de forma gradativa estes setores. Por isso, é extremamente importante que possamos encontrar nosso equilíbrio mental e emocional, para que saibamos lidar com as situações do dia-a-dia de forma mais madura e sensata. Você pode estar chateado por alguma razão, e no trabalho alguém fazer algo que não te agrada, e aquilo tornar-se maior do que de fato é, o que pode contribuir para que seu dia se torne mais difícil.

Se você souber como lidar com estas situações, encarar de forma mais naturalista e realista, identificar o que é problema e o que pode ser relevado, os momentos de stress irão se tornar menos conturbados e você conseguirá facilmente sair destas situações da melhor forma.

Como fazer para mudar isso?

Encontrar este equilíbrio pode não ser uma tarefa fácil quando você se vê dentro da situação. Por isso, é importante que você consiga perceber quando aquilo está te incomodando, para que você possa encontrar alternativa de mudança e buscar ajuda.

O mais importante é você perceber quando algo está errado e o que você pode fazer para mudar isso. Não se acanhe em pedir ajuda para pessoas próximas a você, ou buscar ajuda de um profissional.

O objetivo é que você trabalhe as questões que estão lhe preocupando, para que você consiga encarar todas as outras situações de forma madura e que isso prejudique o mínimo – ou nada – as outras pessoas que estão ao seu redor. Estar bem é viver bem!

Quem leu esse texto também se interessou por:

Autora: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.