Newsletter Gratuita
Assine Aqui

Como lidar com o segundo casamento e filhos?

Como lidar com o segundo casamento e filhos

Quando pais separados pensam em se unir em um segundo casamento, muitas coisas devem ser levadas em conta, principalmente e primordialmente em função de como isso afetará os filhos, tenham a idade que tiverem.

Muitos são os conflitos que podem surgir e influenciar a nova união. Existem casos em que a orientação de um psicólogo, através da terapia de casal, ajuda muito toda a família.

Segundo casamento: como se preparar?

Quando pessoas que já têm filhos resolvem se unir em um segundo casamento é importante se preparar psicológica e emocionalmente, com relação a aspectos práticos, tais como:

  • Casa e Dinheiro: uma mudança de casa pode ser interessante, pois trará um ambiente novo para uma vida nova. Como controlarão o dinheiro, se em conta conjunta ou individual e como serão administradas as despesas são aspectos que devem ser planejados.
  • Resolver o passado: se o casamento anterior acabou, cada um está livre para seguir um novo caminho ao lado de outra pessoa. Cuidado com as crianças, elas poderão ter problemas ao entender que, com o novo casamento, não há mais chances dos pais voltarem a ficar juntos.
  • Situação parental: é importante que fique claro o papel e as responsabilidades do padrasto ou madrasta no segundo casamento.

Como lidar com os filhos: a aceitação ao segundo casamento

Em cada faixa etária, os filhos percebem de maneira diferente a nova união dos pais. Crianças pequenas, em um primeiro momento, tendem a achar que estão sendo postas de lado e que o novo pai ou mãe está recebendo mais atenção que elas.

Valor consulta atendimento online e presencial psicóloga Suliane






Não quero informar nome ou e-mail





Mas, ao sentirem que são amadas e cuidadas, aceitam de maneira mais fácil o novo relacionamento.

Os pré-adolescentes podem se sentir perturbados com os carinhos entre o novo casal e costumam demorar um pouco mais para aceitar a nova família.

Já os adolescentes, por estarem numa fase de formação da identidade, tendem a se afastar um pouco do convívio com a nova família. Esta faixa etária muitas vezes é a mais difícil de lidar em casos como esses.

Cabe aos novos pais identificar a maneira de conquistar os filhos. A melhor forma, talvez, seja se aproximar como um amigo e procurar apenas monitorar as crianças e não dar ordens logo de início.

Até mesmo os contatos físicos, como os carinhos, devem ser evitados no início e se resumir a elogios. Isso evita desconfiança e desconforto, principalmente por parte das meninas com o novo pai.

O trabalho do psicólogo na adaptação da nova família

Quer receber mais conteúdos como esse?

Deixe seu e-mail abaixo e receba semanalmente conteúdos gratuitos
Politica de Privacidade
Não se preocupe, não fazemos spam.

Mesmo em condições favoráveis, pode demorar alguns anos para se estabelecer a harmonia em uma nova família.

Neste período, um psicólogo tem papel importante para ajudar no processo e fazer com que cada um entenda seu papel e a relevância dentro de um segundo casamento.

Quando o problema está entre o casal, novo ou antigo, a terapia com os atuais ou ex-cônjuges pode ser uma alternativa.

Terapia de casal no segundo casamento

Os Psicólogos

Conheça a equipe de psicólogos do nosso consultório. Confira o perfil e área de atuação de cada profissional.

A EQUIPE DE PSICÓLOGOS

Como mencionado, pode servir para o casal que está se separando e vendo o ex-cônjuge entrar em outra relação. Isso ajudará em uma aceitação melhor.

Como também para orientar os pais de como deverá ser o tratamento e relacionamento com os filhos após a separação e novas uniões.

Para o novo casal, a terapia pode servir de orientação sobre como construir o relacionamento sem deixar as crianças de lado e também sobre como conquistar o amor e respeito dos filhos para construir uma nova família feliz.

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.

Sobre Thaiana Brotto

Thaiana Brotto é psicólogo e CEO do consultório Psicólogo e Terapia. Graduação em Psicologia pela PUC-PR em 2008. Pós-graduação em Terapia Comportamental pela USP. E pós-graduanda em Terapia Cognitiva Comportamental pelo ITC. Registrada no Conselho Regional de Psicologia pelo número CRP 106524/06.

9 comentários em “Como lidar com o segundo casamento e filhos?

  1. sou casado porém minha esposa tem dois filhos e ela agora quer que eu pague escola, plano de saúde e transporte das crianças com ela como se eu tivesse obrigação quando casei devidiriamos tudo em gasto de casa porém eu com a maior parte por ela ter os meninos porém além de pagar luz alta a feira da casa internet ela ainda me cobra pra dividir despesas noa filhos dela como citei em cima. preciso de ajudo perante a isso eu tenho obrigação aa e por sinal ela deveria pedir ao pai das crianças pq caso co trarii eu pagaria tudo se fossem meus de sangue.

    • Olá, compreendo como se sente. Nesse momento o mais indicado é ter uma conversa sincera de como se sente a respeito das finanças do casal, caso não consiga esse diálogo, busque uma terapia de casal afim de resgatar esse valor tão importante para o casal. Abraços

  2. Pois é. …povo sai casando tudo de novo achando que o casamento de antes é que era o problema.. .mas vê que é tudo igual só mudam os personagens. Ficar solteiro tem hoje em dia muito mais vantagens que ficar casando de novo .

  3. Bom dia sou divorciada estou entrando em outro relacionamento mas já estou com problema meu noivo ja chegou querendo mudar e mandar na minha filha de 14 anos hoje mesmo discutimos por conta disso falei que ñ assim ele tem que conquistar a confiança e o carinho antes de tudo

    • Olá, esse é um dos maiores problemas de relacionamentos com filhos de outro casamento, mas saiba que o diálogo certamente é a chave para resolução de conflitos. Converse e coloque suas posições e ouça as dele e assim entrem num acordo que seja confortável para ambos. Abraço

      • Sidnei
        10/09/2021
        A palavra casamento diz tudo, casei com fulano ou fulana, casei com os problemas agora sou responsável também!
        Não que filhos seja um problema mas acaba sendo quando se pensa da maneira que alguém colocou, tenho que pagar escola etc, a maioria dos casais não procuram ver isso antes mesmo porque se discutirem isso a relação não seguirá adiante, o que falta mesmo é saber que um casamento seja o primeiro ou o segundo com filhos ou não tem perdas e se conseguir trabalhar isso será uma vitória para ambons.
        Tenho casais que estão em conflito isso na primeira união porque não discutiram as finanças, eles dividem as despesas, não existe isso casamento é uma sociedade não tem divisão a não ser quando acaba!
        Então aos casais em conflito saibam que relacionamento é uma coisa isto envolve namoro, a partir do noivado começa vir as perdas mas podem se tornar ganho se forem um mesmo em tudo.
        como já foi falado nada melhor que uma boa conversa, sim sim, não não tem que no que for justo.

  4. Ola,estou tento problemas com o meu filho de 5 anos também.
    O meu novo marido é muito bom pra ele ,brinca ,leva em todos os lugares que ele quer conhecer ,sempre dar o que ele quer .
    O meu filho até o trata bem nesses momentos mais quando o meu marido chama a atenção dele,ele manda meu marido embora ,sai gritando,o trata muito mal.
    Fico sem saber o que fazer,pois amo meu filho e tento sempre resolver conversando e meu casamento está entrando em crise agora por conta disso .

    • Olá, esses problemas são muito comuns e o ideal seria buscar uma terapia de casal com foco em família para terem ferramentas para lidar com esses comportamentos. Abraços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *