Insegurança

Categoria dos serviços do psicólogo: ajuda emocional
Insegurança e Psicologia

A insegurança é um sentimento que geralmente surge na presença de uma situação entendida como alarmante ou perigosa. Esse sentimento traz a sensação de que não somos capazes de enfrentar a situação ou problema, mesmo tendo todo o conhecimento ou habilidade necessária.

Quando isso ocorre, o nível de ansiedade aumenta muito, podem surgir também: medo, bloqueio mental, falta de concentração, entre outras sensações. Um bom exemplo é quando temos que falar em público.

Muitas pessoas mesmo tendo todo o conhecimento sobre o assunto que vão expor se sentem ansiosas, com medo, inseguras de realizar a tarefa, e isso pode acarretar comportamentos improdutivos, como travar para falar, esquecer o conteúdo da palestra, tremer e em casos mais sérios… desistir.

Em que áreas da vida a insegurança pode surgir?

A insegurança pode surgir em todas as áreas de nossa vida, desde a profissional, quando precisamos enfrentar novas tarefas e desafios na carreira, assim como na área amorosa, quando podemos nos sentir inseguros em relação ao nosso parceiro(a) ou sobre a relação amorosa em si.

Na área da saúde física quando ficamos inseguros diante de um possível diagnóstico médico, ou sobre qual a melhor maneira de resolver um problema de saúde e também na área familiar, quando ficamos inseguros sobre nosso relacionamento com nossos pais, filhos, irmãos. Até mesmo no lazer a insegurança pode aparecer, sobre se devemos ir a tal festa, ou conversar com determinadas pessoas.

A insegurança pode surgir sempre que temos a percepção de que nossos recursos internos e competências não são suficientes para lidar com a situação ou problema, nos impedindo de fazer coisas que gostaríamos, inibindo nossa capacidade de iniciativa.

O que gera a insegurança?

A insegurança sempre traz consigo um medo, por exemplo, medo de se expor em público, medo do que os outros pensam a seu respeito, medo de ser rejeitado, medo de ficar sozinho, medo de que algo dê errado, medo de que o chefe não goste do seu trabalho, medo de errar, etc.

Pessoas inseguras muitas vezes acabam dominadas por seus medos e com isso assumem posturas equivocadas, pois encontram dificuldade em expressar claramente como pensam e o que estão sentindo.

Quais são os prejuízos que a insegurança traz?

A insegurança reduz nossa autoconfiança, nossa autoestima, nossa capacidade de correr riscos e experimentar coisas novas. Ela nos leva a adotar um comportamento de procrastinação, evitando e fugindo das situações que julgamos ameaçadoras. Isso acontece porque a medida que nos sentimos inseguros, essa emoção nos faz sentir-nos incapazes e somos inundados de pensamentos disfuncionais, negativos, que acabam por nos prender em uma espiral que aumenta o sentimento de insegurança e ansiedade.

Qual é o tratamento para a insegurança?

A psicoterapia para insegurança busca o desenvolvimento de habilidades específicas, de acordo com cada caso, que auxiliam e ajudam a pessoa a alcançar suas metas e objetivos.

A insegurança por ser uma emoção que causa os comportamentos de evitação e adiamento de tomada de decisão, pode se tornar um obstáculo para a realização da própria terapia, pois a pessoa insegura pode ter medo de expor-se ao psicólogo.

Enfrentar esse medo e perceber que para sair da insegurança é preciso mudar sua forma de pensar e agir é um grande passo, e o psicólogo é o melhor profissional para apoiá-lo e auxiliá-lo neste processo.

Como resultado da psicoterapia, a pessoa aprende a se conhecer melhor, a reconhecer suas habilidades e capacidades, aumenta a segurança em si mesmo, se sentindo bem e disposto para enfrentar novas situações e desafios em sua vida.

Autora: Andrea Ferreira (Psicóloga CRP 06/113065)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.