Quando a autocrítica é necessária?

Você tem o hábito de autocriticar? Muitas pessoas se beneficiam da avaliação do seu próprio comportamento enquanto outras utilizam a autocrítica de maneira destrutiva. Mas como saber quando ela já deixou de servir o seu propósito?

As pessoas geralmente não escolhem se criticar negativamente de propósito. Quando isso acontece, elas acreditam, de fato, merecer tais críticas e julgamentos. O considerado desagradável por outros é visto como uma verdade indiscutível por elas.

Psicólogos encorajam a autocrítica e autorreflexão. Esses artifícios ajudam a eliminar fatores negativos da vida das pessoas, estando esses relacionados às suas personalidades ou não. Porém, devem ser motivadas por objetos positivos. Caso contrário, podem abrir caminho para a depressão e outras condições psicológicas.

Continue lendo
Ano novo, vida nova: como fazer resoluções que se concretizam

O Ano-novo é um momento de transformação. É comum ocorrerem reflexões sobre as experiências vividas no ano que passou e a definição de resoluções para o próximo.

As metas da virada do ano acompanham o clima de “metamorfose” das festividades, onde deixamos para trás o velho “eu” e abrimos espaço para o novo “eu”.

Continue lendo
Será que você tem mania de controle?

“Mania de controle” é o termo popularmente usado para descrever hábitos controladores de pessoas que têm necessidade de ordenar tudo.

O controle não está somente relacionado à organização de objetos pessoais ou de cômodos da casa. Segundo psicólogos, ele também exerce influência sobre os relacionamentos e o estado de humor.

Continue lendo
Como enfrentar pressões sociais e ser você mesmo

Você já deixou de fazer algo por causa de outras pessoas? Ou por que o que você quer não está de acordo com as expectativas alheias? As pressões sociais podem fazê-lo mudar as suas escolhas e objetivos de vida para se encaixar em padrões pré-estabelecidos por terceiros.

As pessoas são ensinadas a viver de acordo com a cultura predominante na sociedade e no ambiente familiar. Alguns ensinamentos podem entrar em conflito com as crenças, opiniões e aspirações construídas conforme as experiências de vida de cada indivíduo. Assim, originam-se conflitos internos e sofrimentos variados, os quais podem interferir em suas escolhas. 

Continue lendo

O Outubro Rosa é um movimento dedicado à conscientização das pessoas, especialmente das mulheres, sobre a importância dos exames de rotina para o diagnóstico do câncer de mama. Além disso, o autoexame e a saúde mental das pacientes são debatidos com maior enfoque durante todo o mês de outubro.

Embora seja importante abordar todos os impactos físicos do câncer de mama, também deve-se dedicar atenção à saúde mental das mulheres que recém receberam o diagnóstico e as que convivem com a doença há mais tempo. Ambas as situações são difíceis e podem ser emocionalmente exaustivas.

Continue lendo
4 maneiras de parar de se odiar

Em algum momento da nossa vida podemos acabar nos odiando. Leia sobre como parar de se odiar.

Se esta chamada causou algum impacto em você, talvez seja um questionamento que você esteja fazendo a si mesmo. É possível que alguém venha a se odiar? Sim, isso é possível.

A realidade é que existe sim pessoas que têm sua autoestima muito baixa. Neste texto veremos algumas dicas da psicologia de como você pode parar de se odiar e ainda aumentar sua autoestima.

Continue lendo

A autoestima é um sentimento desenvolvido desde a infância na medida em que os pais elogiam ou demonstram de alguma forma atenção sobre determinada conquista do filho, o que tende a aumentar a autoestima da criança.

Por outro lado, quantas vezes somos punidos, inclusive já na vida adulta, por alguma falha ou erro que cometemos, e, por isso, somos deixados de lado? Nessas condições, nossa autoestima tende a diminuir, uma vez que não somos reconhecidos ou gratificados por algo.

Continue lendo