10 dicas para superar o fim do relacionamento

Categoria dos serviços do psicólogo: ajuda emocional

Pode parecer difícil, mas talvez superar o fim do relacionamento pode ser um momento bom, e de autoconhecimento. Confira nossas dicas.

Como você pode superar o fim do relacionamento e o sofrimento inerente à essa situação? Todos nós já sentimos a dor de um coração partido. E os filmes não nos ajudam muito, eles costumam fazer parecer que é fácil lidar com essa situação.

Infelizmente, na vida real as vezes a dor demorar a ser superada e pode até mesmo deixar cicatrizes difíceis de curar. Mas não precisa ser assim, com algumas dicas simples podemos superar com menos sofrimento, segundo afirmam os psicólogos.

Superar o fim do relacionamento é difícil e ninguém pode dizer quanto tempo levará. Não há maneira fácil de passar por isso. Porém, seguindo essas dicas, a tarefa de superar o fim do relacionamento não apenas será menos dolorosa como também irá fortalecê-lo e promover autoconhecimento. Confira!

Dica 1. Não tem problema em lamentar

Se você estiver procurando psicólogo em São Paulo, para buscar ajuda emocional, então conheça os psicólogos que prestam serviços de psicologia no nosso consultório, veja o valor das sessões e agende sua consulta aqui mesmo pelo site.

Não há problema em sofrer por um tempo. Busque apoio de seus amigos e familiares à medida que você aceita as mudanças em sua vida. Assim como o luto, se você deseja superar o fim do relacionamento, é preciso respeitar o tempo de cada sentimento.

>>> Leia também: Por que as separações são sempre tão difíceis?

Dica 2. Não veja seu relacionamento como um fracasso

Não olhe para relacionamentos passados como fracassos, mas como oportunidades para aprender sobre si mesmo e oportunidades de melhorar seus relacionamentos futuros. Não importa se você tem 20 ou 60 anos, sempre podemos aprender mais.

Dica 3. Tenha prazer consigo mesmo

Não se preocupe se você não está em um relacionamento. Seu valor vem de quem você é, não de com quem você está. Aproveite esse momento e redescubra as coisas boas que te fazem feliz sozinho. Seja ver um seriado, sair para uma balada que você não ia há muito tempo… Ficará surpreso em como é fácil se sentir muito bem sozinho.

Dica 4. Saia de casa

Você não precisa ficar recluso só porque não possui um parceiro amoroso. Na realidade, agora que está solteiro, aproveite! Vá ao cinema, ou ainda uma balada com os amigos. Vá a um café sozinho, aprecie uma boa comida e um bom livro… Há tantas atividades que agora você pode fazer! Então aproveite esse momento!

Dica 5. Trate a si mesmo com carinho

Que tal mimar a pessoa mais importante da sua vida: você? Se dê presentes, vá para uma academia, faça coisas maravilhosas e divertidas. Você é uma pessoa especial e merece isso.

Dica 6. Fique rodeado de família e amigos

Você sabia que o amor romântico é apenas um entre os milhares de tipos de amor? E agora que você está solteiro, que tal começar a dar mais atenção aos outros? Cerque-se de família, amigos, pets etc. Distribua e receba muito amor e afeto para superar o fim do relacionamento.

Dica 7. Reavalie suas necessidades

Tire algum tempo para reavaliar o que você precisa em um relacionamento. Você tem escolhido parceiros que são capazes de um relacionamento amoroso e maduro? Você estava esperando que o seu amado mudasse? Talvez precisasse de algo que não estava disponível em seu relacionamento anterior.

Dica 8. Procure um psicólogo se precisar

Se você está achando difícil superar o fim do relacionamento, talvez seja necessário procurar aconselhamento psicológico. Uma necessidade obsessiva de estar com alguém que não quer mais um relacionamento pode ser um sinal de vício em amor. Aproveite esse momento para resolver questões internas a fim de que você possa ter uma vida plena.

Dica 9. Perdoe a si mesmo e o seu ex para superar o fim do relacionamento

Perdoe a si mesmo. Você não pode mudar o passado, mas pode aprender com seus erros e a não repeti-los.

Perdoe seu parceiro. Isso não significa que você esteja dizendo que está tudo bem e não há nenhum problema no que aconteceu está bem. O que isso significa é que está cortando totalmente o vínculo, tanto com suas perdas quanto com ele. E que não vai mais investir tempo ou energia em algo que te machuca.

Dica 10. Cuide de sua saúde e aparência

Aproveite esse momento e invista essa energia em cuidar de sua saúde física. Mude seu cabelo, entre para uma academia, mude hábitos alimentares… Ao melhorar sua saúde e aparência, sua autoestima irá aumentar.

Essas são algumas dicas poderosas para superar o fim do relacionamento. E a terapia pode ser um ótimo recurso caso o sofrimento seja muito grande ou o término implique em situações traumáticas. Seja como for, aproveite esse momento para exercer sua felicidade.

Gostou do artigo? Então pode se interessar por esse também: Não estou sabendo lidar com a minha separação: um psicólogo pode me ajudar?

Quem leu esse texto também se interessou por:

  • Identificando suas emoções

    Identificando suas emoções
    As emoções, muitas vezes, são desencadeadas tão rapidamente em nosso cérebro que acabamos não entendendo o que acontece e porque reagimos de determinada maneira. Se esse controle emocional ficar difícil de ser alcançado, a ajuda de um psicólogo certamente será de grande valor.
  • Psicólogo e Alcoolismo

    Alcoolismo é um vicio e/ou dependência causado pelo álcool e é considerado pela organização mundial de Saúde (OMS) uma doença. Essa dependência normalmente se inicia de forma inocente com a pessoa bebendo socialmente
  • O que é insônia

    A insônia é um distúrbio que prejudica a capacidade de adormecer ou permanecer adormecido ao longo da noite, acarretando problemas cognitivos como atenção, memória e criatividade

Autora: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.